Harmonização de vinhos: o que harmonizar com o Cabernet Sauvignon?

 

Harmonização de vinhos: o que harmonizar com o Cabernet Sauvignon?

Por Luisa Valduga

Quanto mais cheia fica a adega, maior é a indecisão na hora de escolher o rótulo apropriado para cada ocasião, não é mesmo? Por isso, entender sobre harmonização de vinhos e pratos permite que a sua decisão seja cada vez mais assertiva.

Foi pensando nisso que buscamos, com o post de hoje, orientar um dos vinhos mais famosos, o Cabernet Sauvignon. Vamos conhecer seus estilos e suas possíveis combinações, pois cada encontro pode se tornar uma agradável e diferente surpresa.

Confira quais são as melhores opções para a harmonização de vinhos Cabernet Sauvignon e o que deve passar longe da mesa quando ele estiver em cena!

A harmonia da uva Cabernet Sauvignon

A harmonização de vinhos compreende um conhecimento que vai além do olfato e do paladar: o histórico.

Originária da região de Bordeaux, na França, a uva Cabernet Sauvignon logo passou a colorir vinhedos do mundo inteiro, e muito disso por conta da sua versatilidade de cultivo, ainda que a sua capacidade de rendimento seja baixa.

Entretanto, podemos considerar isso uma boa notícia disfarçada de má: afinal de contas, muitos enólogos apontam o rendimento seleto como um dos principais segredos para a qualidade e harmonia de sabores do vinho Cabernet Sauvignon.

E agora, ficou com ainda mais água na boca para saber como dar harmonia à sua seleção de vinhos? Então, vamos descobrir as melhores combinações com o Cabernet Sauvignon!

A harmonização de vinhos com o Cabernet Sauvignon

Nem toda reunião entre amigos e familiares, regada a um bom vinho, necessita seguir o mesmo roteiro.

Vamos dividir a sua versatilidade e estilo que podem ser elaborados, portanto, em ocasiões. Confira!

Para petiscos variados

Para beliscar antes de um jantar ou para um papo informal com os amigos, também devemos ter cuidado com o que acompanhar. Veja algumas dicas:

- Tábua de frios e petiscos apimentados –

Se for usar queijos duros, copa, salame e castanhas temperadas, o ideal é escolher um vinho com maior estrutura de taninos ou até mesmo com passagem de carvalho. Sabores intensos devem ser acompanhados de bebidas intensas e por isso prepare-se para uma noite repleta de sabor. O Cabernet Sauvigon brasileiro costuma ser uma boa opção para esse tipo de combinação.

- Entradinhas mais leves –

Caso você prefira fazer algumas bruschettas com tomates frescos e azeite de oliva ou espetinhos caprese (tomate cereja, mussarela e manjericão) o ideal é escolher um vinho mais leve e menos encorpado. Assim será bem acompanhado e não irá mascarar o frescor e leveza da comida. Pelo contrário, será uma harmonização ideal para uma noite descontraída e agradável.

Para acompanhar os talheres

Jantares intimistas ou em mesas compridas, com todos os assentos ocupados, são excelentes pedidas para a harmonização de vinhos com Cabernet Sauvignon.

A começar pela facilidade de combinar grandes exemplares do vinho com carnes pesadas, como os cortes bovinos (com destaque à costela e ao contrafilé) e ovinos e a vitela. Risotos e massas com molho avermelhado equilibram bem o sabor.

Isso sem falar no balanceamento com especiarias suaves, como o manjericão, o tomilho e o orégano, e outras mais acentuadas, como a hortelã e o alecrim.

Para riscar das suas reuniões

Vale estar atento a algumas combinações que devem ser evitadas quando existem rótulos de Cabernet Sauvignon à mesa, como:

  • Conservantes em excesso, que também interferem na degustação do vinho;
  • Frutos do mar, pois acentuam a sensação de aspecto metálico no sabor.

E então, já deu para ter uma ideia de como criar uma boa harmonização de vinhos com o Cabernet Sauvignon sem cair na mesmice?

Agora, para desvendar novas possibilidades de harmonização, que tal nos seguir no Facebook e no Instagram e ficar por dentro de todas as nossas novidades?

Fonte: http://blog.famigliavalduga.com.br/

Analytics